REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS  
     
 

BASBAUM, Ricardo. (org) Arte contemporânea Brasileira.texturas, dicções, ficções e estratégias. Rio de Janeiro: Ed. Rios ambiciosos, 2001.

_______________. Além da pureza visual. Porto Alegre: Zouk ed., 2007.

BEIGUELMAN, Giselle. O livro depois do livro. SP: Peirópolis, 2003.

CALDAS, Waltercio. Livros. Catálogo de Exposição. MARGS e Pinacoteca do Estado de SP, 2001.

COSTA, Cacilda Teixeira da. Livros de Arte no Brasil. SP: Itaú Cultural, 2000.

SILVEIRA, Paulo. A página violada. Da ternura à injuria na construção do livro de artista. Porto Alegre: Editora da Universidade do Rio Grande do Sul, 2001.

FABRIS, Annateresa. O livro de artista, da ilustração ao objeto. Suplemento do Jornal
Estado de São Paulo, 19 de março de 1988, p.6-7.

FREIRE, Cristina. Poéticas do processo.Arte conceitual no museu. São Paulo: MAC USP; Iluminuras, 1999.

GROSSMANN, Márcia. Como te leio? Como-te livro!. São Paulo: Cultura Editores Associados, 2002.

PECCININI, Daisy. (org) Arte. Novos Meios, Multimeios. Anos 70/80. São Paulo: Instituto de Pesquisa, Setor de Arte FAAP, 1985.

WOOD, Paul. Arte conceitual. São Paulo: Cosac & Naif, 2002.

ANDRADE, Luis (et al) Love's House. 13 artistas em curta temporada. RJ: Casa da Palavra, 2002.

NAZARENO. São as coisas que você não vê que nos separam. SP: Galeria Virgilio, 2005.

RENNÓ, Rosangela. O arquivo universal e outros arquivos. SP: Cosac & Naif, 2003.

TUNGA. Barroco de Lírios. SP: Cosac & Naif, 1997.