David da Costa

Pinturas

Mais do que o pincel e a tinta, assomam nas composições de David da Costa as ressonâncias da régua e do compasso, a exatidão do programador visual, de tal forma que, cada quadro, se nos impõe como uma paginação sensível. Sem adotar a cor em seu estágio cru, ele não mistifica a cor. Pela progressão tonal sugere incidências de luz e planificações; com mão firme e domínio instintivo do espaço, imprime transparências e marca passagem na escala das cores predominantes. 
Walmir Ayala
ABERTURA : 23 de Junho de 1999, às 12:30
Apresentação Musical: Ligia Tosello Oliveira(voz) e Eduardo Lobo (violão)
Período da Exposição: de 23 de junho a 09 de junho /99
de 2ª a 6ª feira - das 9:00 às 17:00 hs

Galeria de Arte UNICAMP/IA