retorna à Lista de Docentes e ao Menu Principal


Área de Interesse 
Pesquisas
Publicações
Atividades Docentes
Informações Pessoais 
Links

Prof. Dr. Eduardo Augusto Ostergren

Doutorado em Música
Indiana University, 1980

Mestrado em Música
Southern Methodist University, 1968

Graduação em Música - Violino
Conservatório Dramático e Musical de São Paulo, 1968

Endereço :
Departamento de Música

Instituto de Artes - Caixa Postal 6159
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
CEP 13083-970, Campinas, SP, Brasil

Telefone : (19)  3521-6551 e 3521-7485

Fax : (19) 3521-7827

Currículo Lattes

 

Áreas de Interesse

Regência Orquestral; Regência Coral; Quarteto de Cordas; Música Instrumental para Metais; Música Medieval; Retórica Gestual da Regência.



Projetos  de Pesquisa

1. “Viva Metal” (pesquisa do repertório e da técnica dos instrumentos de metal).
2. Regência e a Arte Fônica no Brasil (pesquisa aplicada).
3. A sinfonia e o poema sinfônico no repertório orquestral clássico e romântico (pesquisa aplicada).
4. As obras corais e instrumentais sacras do barroco e do classicismo (pesquisa aplicada).
5. Antecipando a vida profissional (Laboratório-Workshop o qual permite ao aluno ampliar seu conhecimento do repertório instrumental e desenvolver técnicas para a sua inserção no universo da orquestra sinfônica profissional).


Publicações

OSTERGREN, E.A., Fernandes, A. J., Kayama, A.G. “A prática coral na atualidade: sonoridade, interpretação e técnica vocal”. Musica Hodie, v. 6, fasc. 01, nov/2006,
pp. 51-74

OSTERGREN, E.A., Fernandes, A. J., Kayama, A.G. “O regente moderno e a construção da sonoridade coral: interpretação e técnica vocal”. Per Musi (UFMG), v. 13, out/2006,pp. 33-51

OSTERGREN, Eduardo, JANK, Helena. “O órgão segundo Mattheson”. Caixa Expressiva, vol. 7, fac. n.14, pp.24-25, Piracicaba, SP, BR, dez/2003.

OSTERGREN, Eduardo. “A integridade do maestro como intérprete e seu compromisso na comunidade”. Cadernos da Pós-Graduação (Unicamp), vol. 04, fac. n. 02, pp.9-16, Campinas, SP, BR, 2000

OSTERGREN, Eduardo. “From the podium”. Quarter Notes (Lafayette Symphony Orchestra), Indiana, USA, vol. n.1, 1984, a vol. 9, n.3, 1993 (29 artigos num período de 10 anos).

OSTERGREN, Eduardo. “The need for music”. Purdue Alumni Magazine (Purdue University), Indiana, USA, Maio, 1982

OSTERGREN, Eduardo. “Music in perspective: concerts are for you”. Journal and Courier (Lafayette), Indiana, USA, novembro, 1978.

Publicações em Anais de Congressos

OSTERGREN, Eduardo, TAKAHAMA, Alexandre Machado. “Ópera Sandro: um marco histórico da composição musical no Rio Grande do Sul”. XVIII Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação (ANPPOM), Salvador - 2008

OSTERGREN, Eduardo, GALLO, José Roberto. “A Orquestração de Canção Brasileira de Luciano Gallet”, in: XIV Congresso Interno de Iniciação Científica, Campinas/Unicamp, PIBIC 2006 - Caderno de Resumos- XIV Congresso Interno de Iniciação Científica. Centro de Computação - UNICAMP, 2006,

OSTERGREN, Eduardo, BUENO, Ivan Lopes. “Etapas para a implementação de um método progressivo para educação musical através do violino”. in: IX Congresso Interno de Iniciação Científica, Campinas/Unicamp, setembro 2001.

OSTERGREN, Eduardo, FERRARI, Ana Paula Emmerich. “Da consciência à expressão: a técnica de Laban como auxílio na composição do repertório gestual do regente”.
(Projeto Fapesp no. 01/14156-5), ”. in: XI Congresso Interno de Iniciação Científica, Campinas/Unicamp, abril 2003


Atividades Docentes

Regência Coral
Regência Orquestral
Introdução à Pesquisa em Música
História da Música


Informações Pessoais

Estudou regência com Roberto Schnorrenberg e Klaus-dieter Wolf, no Brasil, Lloyd Pfautsch, Robert Shaw, nos EUA; Estudo da partitura musical com Julius Herford; Viola com Jerry Horner; Participou de Masterclasses em viola com William Primrose; Diretor Artístico e Regente Titular da Sinfônica de Lafayette (Indiana) e Danville (Illinois)
Já se apresentou frente a diferentes orquestras no Brasil, Estados Unidos e Europa.


Links

Currículo Lattes


Esta página não é uma publicação oficial da UNICAMP, seu conteúdo não foi examinado e/ou editado por esta instituição. 
A responsabilidade por seu conteúdo é exclusivamente do autor. 

A Resolução GR Nº 5 de 17/01/2005, artigo 74 orienta sobre disponibilização de páginas pessoais na Unicamp.