Turma AC201 - Expressão, Sons e Sentido - Turma A

Nome

Expressão, Sons e Sentido

Subtítulo

Noções compositivas e estratégias improvisacionais interculturais em dança a partir da gestualidade das mãos na integração corpo, som e música.

Cód. Disciplina - Turma

AC201 - A



Remoto

Não

Segunda-feira das 14 às 17

Dados da disciplina


AC201 - Expressão, Sons e Sentido

Artes da Cena

Pós-graduação

3

15

15

0

15

0
Oferecimento IA

ATENÇÃO: Disciplina ministrada de maneira condensada no período de férias de verão, de 08/02/2022 a 21/02/2022

Cronograma (Maiores detalhes vide campo observações).

08/02 (14h às 18h) – Apresentação da disciplina

09, 10 e 11/02 (14h às 18h) – Aulas expositivas com orientação para laboratórios 

14/02 e 15/02 (14h às 18h) –  Laboratórios práticos  de improvisacao

16/02  e 17 /08 (14h às 18h) trabalhos de composição

 18/08 (9h as 13h e 14h às 18h): apresentações dos trabalhos práticos e debates

21/02 ( 14h as 18h) – Finalização

 

Ementa:

A partir de noções compositivas e estratégias improvisacionais, instrumentalizar a pratica criativa individual e coletiva na exploração de materiais  emergentes  e convergentes entre movimento, gestualidade das mãos, som e música.

Teremos a participação e apoio tecnico na musica pelo funcionario do instituto de artes Divanir Gattamorta

obs: caso seja aprovada a legislação de possibilidade de oferecimento de aulas remotas , incluiremos algumas aulas no formato remoto 

 

 

Docentes

Daniela Gatti

Mariana Baruco Machado Andraus

Critério de Avaliação

1) Apresentação de estudo criativo elaborado no corpo

2) Entrega de relatório sobre reflexões desenvolvidas a partir da disciplina.

 

Bibliografia

Andraus, M. B. M. (2018). Ator, dobrador de tempo. Sala Preta, 18(1), 273-284. https://doi.org/10.11606/issn.2238-3867.v18i1p273-284

DILLON Brian. Inventory/ Tlak to the hand Deciphering the language of Gesture 2007 disponível em : https://www.cabinetmagazine.org/issues/26/dillon.php

GATTI, Daniela. Medeia: um experimento coreografico. 2005. 107 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Artes, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/284194>.

CLEARY, James W. .John Bulwer: Chirologia or Natural Language of the Hand e Chironomia or the Art of Manual Rhetoric. Hardcover, Soutlhem illinois University, 1974.

https://publicdomainreview.org/collection/chirologia-or-the-natural-language-of-the-hand-1644

HUMPREY . Doris . El  Arte de Crear Danzas  , 1959 Nova York Disponível pdf https://pdfcookie.com/documents/el-arte-de-crear-danzas-doris-humphrey-3ld0n8346624

WISNIK. Jose Miguel. O som e o sentido – uma outra história das músicas . Companhia das Letras. São Paulo, 2017

Complementar

ALMEIDA, Karina Campos de. Entre-territórios: a dança como catalisadora de diferentes noções de composição. Tese (doutorado) – Instituto de Artes, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2016.

GATTI. Daniela. Apropriação poética nos processos criativos em dança. In: VII Congresso da ABRACE, v.13, n.1, 2012, Porto Alegre. Anais do... Porto Alegre: ABRACE, 2012. Disponível em: <https://www.publionline.iar.unicamp.br/index.php/abrace/article/view/2485/2619>. Acesso em: 10 out. 2021.

GATTI. Daniela: Bulwer e a dança das mãos: http://www.revista.art.br/site-numero-09/trabalhos/47.htm 2004.

HOLDING. Core . Rhetorical gestures in british elocutionism.  Dissetation University of Illinois at Urbana-Champaign, 2012 Disponivel em : https://core.ac.uk/download/pdf/10208709.pdf

HARNONCOURT, Nikolaus. 0 discurso dos sons. Caminhos para uma nova compreensão musical. Rio de Janeiro, Jorge Zahar, 1988.

NACHMANOVITCH, Stephen. Ser criativo: o poder da improvisação na vida e na arte. São Paulo: Summus Editorial, 1993.

RAMM-BONWITT, Ingrid. Mudras: as mãos como símbolo do Cosmos. Tradução: Dante Pignatari. São Paulo: Editora Pensamento, 1987.

Conteúdo

A disciplina traz como conteúdo programático estudos dos gestos das mãos a partir do tratado Chirologia, de Jonh Bulwer, a fim de compreender a relação do gesto das mãos na sua comunicação intencional e de retórica. Propõe investigações práticas a partir de noções compositivas e improvisacionais entre corpo, gestualidade das mãos, som e música em diálogo.   

 A disciplina ancora-­se em elementos emergentes das práticas que serão orientadas e em repertório técnico-­poético dos estudantes na produção de sentidos e subtextos para a cena. 

Metodologia

Metodologia utilizada:

Aulas expositivas e discussões de textos

Laboratórios práticos individuais  em duplas e grupo

Apresentação das cenas presencialmente

Observação

disciplina oferecida de forma condensada - férias de verão. Período: 08/02/2022 a 21/02/2022

08/02 (14h às 18h) – Apresentação da disciplina

09, 10 e 11/02 (14h às 18h) – Aulas expositivas com orientação para laboratórios 

Conteúdos deste bloco:

- Estudo de gestualidade das mãos chirologia (j. Bulwer) + laboratórios 

-Estudo de gestualidade das mãos em artes asiáticas  + laboratórios 

- Música e som (apoio Divanir)

_________________

Laboratorios praticos improvisacao e comprosicao

14/02 e 15/02 –  Laboratórios práticos  de improvisacao (14h às 18h)

Conteúdos deste bloco:

Exercícios  preparatorios e de improvisação (corpo/improvisação/ música/gesto)

Laboratórios práticos individuais, duplas e coletivo

16/02  e 17 /08 (14h às 18h) trabalhos de composição

 18/08 (9h as 13h e 14h às 18h): apresentações dos trabalhos práticos e debates

21/02 ( 14h as 18h) – Finalização